Home Israel Netanyahu chega aos EUA para assinar acordos de paz com Emirados Árabes e Bahrein

Netanyahu chega aos EUA para assinar acordos de paz com Emirados Árabes e Bahrein

autor: Últimos Acontecimentos

O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, chegou a Washington, DC, na segunda-feira, onde ele e os ministros das Relações Exteriores dos Emirados Árabes Unidos e do Bahrein devem estabelecer formalmente relações diplomáticas na terça-feira.

Imediatamente após a chegada, Netanyahu realizou uma teleconferência com o ministro da Saúde israelense Yuli Edelstein, o chefe do Conselho de Segurança Nacional Meir Ben-Shabbat e outros sobre os preparativos para o bloqueio de três semanas que entrará em vigor em Israel na sexta-feira, de acordo com um comunicado do seu escritório.

Em uma coletiva de imprensa na noite de domingo, o primeiro-ministro israelense chamou sua viagem de “histórica”.

“Cidadãos de Israel. Esta noite parti em seu nome, em uma missão histórica. Para se reunir com o presidente dos EUA e representantes dos Emirados Árabes Unidos e Bahrein. Vou trazer ‘paz por paz’, paz com força – dois acordos de paz em um mês. Esta é uma nova era de paz, para a qual trabalho há 25 anos”, disse.

Ele prosseguiu dizendo que os acordos eram uma união de paz política e econômica, e injetariam “bilhões de dólares” na economia israelense. Embora seja sempre uma coisa boa, disse ele, este aspecto dos acordos foi de particular importância em meio à atual pandemia.

O chefe do Mossad, Yossi Cohen, disse a repórteres na pista antes de embarcar no vôo para Washington que “esperava muito” que outros países concordassem em normalizar as relações com o Estado judeu.

“Estamos trabalhando em outros países. Depende deles e também de nós”, disse Cohen.

A missão a Washington é “um assunto muito emocionante”, disse o chefe do Mossad.

“Muitas pessoas muito boas trabalharam nisso por muitos anos. Não começou ontem”, acrescentou.

Os Emirados Árabes Unidos e Bahrein serão apenas o terceiro e o quarto estados árabes a normalizar as relações com o estado judeu, depois do Egito e da Jordânia. O Egito assinou um tratado de paz com Israel em 1979, e a Jordânia fez o mesmo em 1994.

Fonte: Breaking Israel News.

14 de setembro de 2020.

Postagens Relacionadas

Deixe um Comentário