Home Guerras Mídia síria diz que 1 soldado morto e 3 feridos em ataques israelenses perto de Damasco

Mídia síria diz que 1 soldado morto e 3 feridos em ataques israelenses perto de Damasco

por Últimos Acontecimentos
202 Visualizações

A Força Aérea de Israel conduziu vários ataques aéreos na Síria na madrugada da manhã de quarta-feira, incluindo um ataque a uma bateria de defesa aérea militar síria em que um soldado foi morto, informou a mídia síria.

De acordo com vários meios de comunicação da Síria, os militares israelenses atingiram um alvo na área de a-Zabadani, no oeste da Síria, perto da fronteira com o Líbano. O local era considerado um depósito de armas, provavelmente indicando que o alvo eram carregamentos de armas para o grupo terrorista libanês Hezbollah.

Além disso, a Força Aérea de Israel teve como alvo uma bateria de defesa aérea a oeste de Damasco, matando pelo menos um dos soldados e ferindo três outros, informou a mídia estatal síria.

“Hoje às 1:30 o inimigo israelense realizou uma agressão aérea com rajadas de mísseis do norte da Galiléia, visando uma unidade de nossas forças de defesa aérea na área de Nabi Habeel”, disse uma fonte militar à agência de notícias estatal SANA. Nabi Habeel está localizado perto da fronteira com o Líbano, a oeste de Damasco.

Os militares israelenses disseram que vão atacar as defesas aéreas da Síria que disparam contra seus jatos.

A fonte militar síria disse ao SANA que as defesas aéreas do país “repeliram” o ataque israelense. Os analistas de defesa rotineiramente descartam as alegações do regime sírio sobre suas proezas de defesa aérea como se fossem vanglória. Neste caso, a enorme bola de fogo em a-Zabadani do suposto ataque israelense refutou de forma semelhante as afirmações dos militares sírios.

Não houve comentários das Forças de Defesa de Israel, que geralmente mantém uma política de ambiguidade em relação às suas atividades contra o Irã e seus representantes na Síria, recusando-se a reconhecer publicamente suas ações.

O espaço aéreo sobre as Colinas de Golã, em Israel, foi fechado para a aviação civil na manhã de quarta-feira.

As IDF lançaram centenas de ataques na Síria desde o início da guerra civil em 2011 contra movimentos do Irã para estabelecer uma presença militar permanente no país e esforços para transportar armas avançadas e revolucionárias para grupos terroristas na região, principalmente o Hezbollah.

Os últimos ataques relatados na Síria atribuídos a Israel ocorreram no início deste mês perto da cidade de Masyaf, na província central de Hama. Os ataques aéreos destruíram quatro instalações de fabricação de armas, de acordo com imagens de satélite divulgadas por uma empresa privada de inteligência israelense.

Masyaf é uma área militar significativa para o regime do presidente sírio Bashar Assad, que inclui uma academia militar e um centro de pesquisa científica. A área geral em torno de Masyaf, que também se acredita ter uma grande presença iraniana, já foi alvo de Israel muitas vezes no passado.

Fonte: Times Of Israel.

“E ouvireis de guerras e de rumores de guerras;…” Mateus 24:6

30 de dezembro de 2020.

Postagens Relacionadas

Deixe um comentário