Home Fomes UNICEF alerta que 10,4 milhões de crianças podem sofrer de desnutrição aguda em 2021

UNICEF alerta que 10,4 milhões de crianças podem sofrer de desnutrição aguda em 2021

por Últimos Acontecimentos
396 Visualizações

A pandemia de coronavírus pode deixar mais de 10 milhões de crianças em vários países africanos sob risco de fome, revelou nesta quarta-feira o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) em seu relatório.

O coronavírus exacerbou a pobreza e a desigualdade nas nações, que já enfrentam problemas internos, colocando considerável pressão sobre os sistemas sociais e de saúde. Isso levou a um aumento de famílias incapazes de atender às necessidades mais básicas de comida e água. 

Ao entrarmos em 2021, o UNICEF está profundamente preocupado com a saúde e o bem-estar de 10,4 milhões de crianças com desnutrição aguda na região do Sahel (um cinturão de até 5.400 quilômetros que atravessa a África do Atlântico ao Mar Vermelho), a República Democrática do Congo, Nigéria, Sudão do Sul e Iêmen, que já estão passando por graves crises humanitárias. A combinação de fatores como pobreza crônica, falta de acesso a serviços essenciais, conflitos armados recorrentes, agravados pela pandemia, aumentaram a vulnerabilidade de famílias carentes.

Fonte: RT.

“…e haverá fomes,” Mateus 24:7

01 de janeiro de 2021.

Postagens Relacionadas

Deixe um comentário