Home Falsos Profetas EUA: pastor terá de pagar R$ 765 mil por divulgar falsa cura para covid

EUA: pastor terá de pagar R$ 765 mil por divulgar falsa cura para covid

por Últimos Acontecimentos
256 Visualizações

Um tribunal do estado do Missouri, nos EUA, ordenou hoje que o famoso pastor Jim Bakker e sua igreja paguem US$ 156.000 (o equivalente a cerca de R$ 765 mil reais, na cotação de hoje) por divulgar e vender uma falsa cura para o coronavírus.

O acordo, anunciado pelo Gabinete do Procurador-Geral do Missouri, é consequência de um processo que acusa o pastor de utilizar o seu programa de TV “The Jim Bakker Show” (O Show de Jim Bakker, em tradução livre), para vender um produto que, segundo Bakker, mataria o coronavírus em 12 horas.

Entre fevereiro e março de 2020 alguns telespectadores do programa chegaram a comprar o falso remédio, batizado de “Solução de Prata”, e que não tem nenhuma eficácia no tratamento ou prevenção da doença.

O produto era feito a base de prata coloidal, substância conhecida por causar argíria, uma condição que pode manchar permanentemente a pele com uma cor azul acinzentada.

O dinheiro que deverá ser pago pelo pastor e pela Igreja Morningside será usado para reembolsar os telespectadores que adquiriram a solução por valores que, na época, variavam entre R$ 394 e R$ 615.

De acordo com o jornal The Missouri Times, o pastor não admitiu nenhuma irregularidade, e o advogado de Bakker, o ex-governador e procurador-geral do Missouri Jay Nixon, sustenta que o religioso não violou nenhuma lei ou enganou ninguém.

Em março do ano passado, o Instituto Nacional de Saúde dos EUA já alertava o pastor para pôr um fim nas falsas afirmações sobre curas sem comprovações científicas para a covid-19 e que poderiam colocar as pessoas em risco de contrair o vírus.

A agência governamental do país também advertiu que o ingrediente principal da fórmula, a prata coloidal, “pode ser perigoso para a saúde”.

Problemas financeiros.

Ainda no ano passado o pastor Jim Bakker, famoso por seu “talk show cristão”, amargou uma grave crise financeira desde que começou a enfrentar problemas legais por vender a falsa cura para a covid-19.

Diversas empresas de cartão de crédito do país se recusaram a trabalhar com Bakker depois que ele passou a usar o seu programa para propagar e comercializar a “Solução de Prata” como “cura” para o coronavírus.

Segundo a imprensa norte-americana, o pastor chegou a pedir aos telespectadores que enviassem doações em cheque para que ele pudesse manter seu ministério e não tivesse que declarar falência.

Fonte: UOL.

“E surgirão muitos falsos profetas, e enganarão a muitos.” Mateus 24:11

25 de junho de 2021.

Postagens Relacionadas

Deixe um comentário