Home Arqueologia Bíblica Lanterna de 2 mil anos do período hasmoneu encontrada em Jerusalém

Lanterna de 2 mil anos do período hasmoneu encontrada em Jerusalém

autor: Últimos Acontecimentos

Arqueólogos israelenses descobriram um castiçal do período hasmoneu na cidade de Davi em Jerusalém.

A lanterna de 2.000 anos, que foi preservada em sua totalidade, foi descoberta durante escavações na Cidade Velha de Jerusalém, lideradas pela Autoridade de Antiguidades de Israel e a Fundação Ir David.

Os arqueólogos estavam escavando a estrada que era usada para peregrinações nos dias do Segundo Templo, cerca de 2.000 anos atrás. A estrada tem quase 600 metros (2.000 pés) de comprimento e 8 metros (26 pés) de largura. Ele conecta o Lago Siloé no sul da Cidade de Davi e o sopé do Monte do Templo.

O castiçal é feito de barro e tem na ponta enfeites de plantas, provavelmente um galho com folhas. É típico do primeiro século AEC, no final do governo hasmoneu, durante o período do Segundo Templo.

“Um dos arqueólogos se aproximou de mim com algo escondido nas mãos e me pediu para adivinhar o que ele havia encontrado. Ele abriu as mãos e me mostrou a vela que foi preservada em sua totalidade. Fiquei muito animado”, disse Riki Zlot Har-Tov, gerente de campo da Fundação Ir David.

O Diretor de Escavações da Autoridade de Antiguidades de Israel, Ari Levy, disse que “essas velas eram usadas para diferentes propósitos – desde usos cotidianos simples, como iluminar salas e ruas, até usos cerimoniais religiosos para o Shabat e o Hanukkah.

“Vamos esvaziar o conteúdo da vela e examinar que tipo de óleo foi usado para acendê-la”, acrescentou Levy. “Estamos acostumados a encontrar apenas partes de velas. Não é todo dia que encontramos uma vela preservada em sua totalidade. Nós estamos todos muito animados.”

Fonte: Breaking Israel News.

13 de dezembro de 2020.

Postagens Relacionadas

Deixe um Comentário